Frete grátis para compras acima de R$200 em todo o Brasil!

Progresso de leitura:

Origem

Trata-se de uma árvore que mede de 8 a 16 metros de altura, apresentando tronco de 30 a 50 centímetros de diâmetro. As folhas são compostas pinadas, com 9 a 21 folíolos pubescentes. A Pharmacopeia dos Estados Unidos do Brasil 1ª edição (1926) caracteriza a casca da Sucupira da seguinte forma: “A casca é apresentada em grandes pedaços planos ou levemente encurvados, com comprimento e largura variáveis. A superfície externa é parda-escura e com numerosas verrugas de cor de ferrugem, rachas longitudinais profundas e algumas transversas bastante espaçadas. A porção suberosa separa-se com certa facilidade e descobre o parênquima cortical, que é pardo-avermelhado. A face interna é amarelada e apresenta estrias longitudinais bem visíveis. A fratura é granulosa nas camadas exteriores e de aspecto fibroso e folheado na parte interna. Seu sabor é amargo e adstringente.’’ Também são utilizadas as sementes na terapêutica.

Indicações

A Sucupira é popularmente utilizada no combate ao excesso de ácido úrico do corpo, amigdalite, artrite, asma, blenorragia, cistos ovarianos e no útero, debilidade orgânica, dermatoses, diabetes, dor de garganta, dores espasmódicas, feridas, hemorragias, inflamações, reumatismo, sífilis e vermes. Possui, também ação coadjuvante no tratamento do câncer, além de ser um ótimo tônico. Em Homeopatia é indicada para tratamento de úlceras cancerosas, alguns tipos de eczemas, cravos nos pés, vegetações sifilíticas, reumatismo, diabete, hemorragias e blenorragia.

Referências Bibliográficas

ALBIO, R. Pharmacopeia dos Estados Unidos do Brasil. 1ª edição. 1926.
CAIRO, Guia de Medicina Homeopática. 21ª edição. Livraria Teixeira. 1983. COIMBRA, R. Manual de Fitoterapia. 2ª edição. Cejup. 1994.
DEHARO, E.; et al. A search for natural compounds in Bolivia through a multidisciplinary approach. Part V. Evalution of the antimalarial activity of plants used by the Tacana Indians. Journal of Ethnopharmacolgy, September, 2001, 77.
LORENZI, H. Árvores Brasileiras. vol. 1. 3ª edição, 2000.
SOARES, A. D. Dicionário de Medicamentos Homeopáticos. 1ª edição. Santos Livraria Editora. 2000.

Mais Informações: Clique e visualize o Laudo do Fornecedor

Produtos que contém Sucupira

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Próximo Artigo

Cobre Quelato

Cobre Quelato

Chitosan atrai as gorduras e as converte de forma que o organismo não consegue mais absorver.
Consequentemente, através dessa forma de ligação com a gordura, o Chitosan a torna indigerível.

Morosil

Um extrato seco obtido a partir do suco dasLaranjas Vermelhas Moro – cultivadas no mediterrâneo, exclusivamente na área em torno dovulcão Etna, na Sicília.

Cordia Ecalyculata

Árvore de copa alongada, de 8 a 12 metros de altura com tronco de 30 a 40 cm de diâmetro, nativa desde o nordeste até o sul do Brasil.

Conversar
1
Quer orçar sua fórmula?
Olá, se não encontrou a fórmula que procura, fale conosco no Whatsapp!

×